Capa » Gravidez » Cuidados a ter na gravidez » Vícios » Quais são as consequências do fumo do tabaco nos bebés?

Quais são as consequências do fumo do tabaco nos bebés?

como o tabaco afeta o bebéJá dizem os especialistas, as autoridades sanitárias, os médicos e até está escrito nos maços de tabaco: "se está grávida, não fume". Toda a gente pode deixar de fumar e mesmo as mães mais viciadas em tabaco devem deixar o tabaco a partir do momento em que descobrem que estão grávidas. Os problemas que as mães fumadores podem transmitir ao seu bebé devido ao consumo de tabaco são bastante graves:

  • Fumar durante a gestação origina bebés de um peso, tamanho e perímetro craniano inferior ao normal, o que se pode agravar mais ainda se o bebé nascer prematuramente.


  • Os recém-nascidos de mães fumadoras durante a gravidez têm maior risco de morte súbita.
  • As fumadoras produzem muito menos leite do que as mulheres que não fumam. Além disso, grande parte da nicotina é eliminada pelo leite materno, o que faz com que esta passe para o bebé, provocando-lhe mal-estar, cólicas e deixando-os irritados e inquietos.
  • As mulheres grávidas devem evitar lugares fechados com fumo (bares, discotecas onde se fuma) porque também afetam o feto.

E claro, o fumo é prejudicial mesmo para as mulheres que ainda não têm filhos mas que pretendem tê-los um dia... Uma vez que o consumo de tabaco nas mulheres pode fazer com que tenham mais dificuldade em engravidar e que tenham mais probabilidades de sofrer de infertilidade.